Thursday, June 07, 2012


"E de novo acredito que nada do que é importante se perde verdadeiramente.
Apenos nos iludimos, julgando ser donos das coisas, dos instantes, dos outros.
Comigo caminham todos os mortos que amei, todos os amigos que se afastaram, todos os dias felizes que se apagaram.
Não perdi nada, apenas a ilusão de que tudo podia ser meu para sempre"

Estrela Cadente
by Miguel Sousa Tavares

1 comment:

Domingos Rocha Abecasis said...

and there was 2012.